Compra que fez o colégio [da Bahia] de uns chãos na praia a Nuno de Amaral.

Identificador: 
PR-575
Valor: 
Quarenta mil réis
Lugar: 
Cidade de Salvador da Bahia
Capitania: 
Capitania da Bahia
Tipo de Operação: 
Data da Operação: 
24/03/1603
Arquivo: 
Observações: 

"Pareceu o dito Nuno de Amaral e bem assim o reverendo Padre Francisco de Lemos procurador do Colégio desta cidade e logo pelo dito Nuno de Amaral foi dito que entre os mais bens de raiz que possuía e tinha era uns chãos na praia desta cidade que entestam com a cerca dos ditos padres e junto com uma casa que no fim dela tem e à face da praia e mar os quais lhe deu o Senhor Dom Francisco de Souza Governador que foi neste Estado do Brasil e que vistos os ditos chãos estarem tão pegados com os ditos Reverendos Padres e poder haver dúvida no partir dos ditos chãos e por as escusar o dito Nuno de Amaral que ora por virtude deste instrumento vendia e trespassava como de feito logo vendeu e trespassou os ditos chãos aos ditos Reverendos Padres da Companhia deste dia para todo sempre para o dito colégio e isto em preço e quantia de renta quarenta mil réis logo pagos em dinheiro de contado que ele logo recebeu perante mim tabelião".

Como citar este verbete: 
SATLER, Fabiano Aguilar. "Compra que fez o colégio [da Bahia] de uns chãos na praia a Nuno de Amaral.". In: Base de Dados BRASILHIS: Redes pessoais e circulação no Brasil durante o periodo da Monarquia Hispânica (1580-1640). Disponível em: https://brasilhis.usal.es/pt-br/node/11956. Data de acesso: 25/06/2024.