Francisco Giraldes

Identificador: 
P-705
Nombre: 
Francisco
Apellidos: 
Giraldes
Asunto: 
Género: 
Masculino
Observaciones: 

En 1588 recibió carta de Governador-geral de Brasil.

No regimento do governador-geral Francisco Giraldes, que não chegou a assumir o cargo, mas tinha uma contenda com os jesuítas por causa das terras de Camamu, na Bahia, reafirma-se as ideias de “pacificação”, “encomenda”, “sujeição e obediência”.1 O regimento proibia o comércio de armas com os índios e mandava organizar as feiras nas vilas para que os cristãos não fossem às aldeias. Os religiosos, com destaque para os jesuítas, seriam mantidos pela fazenda régia, afastando-os do comércio e da produção colonial, o que aumentava sua dependência econômica e política em relação à Coroa e à própria Igreja.

1 “Regimento do governador Francisco Giraldes” (30/3/1588), em Marcos C. de Mendonça (Org.), Raízes da formação administrativa do Brasil, t. I, (Rio de Janeiro: IHGB/Conselho Federal de Cultura, 1972), 259-277.

Cargo o Posición:
Id ATLASCargo o PosiciónLugarDescripción del LugarDesdeHasta
40638Capitão DonatárioIlhéus15661589
40629Governador-geral do BrasilBrasilBrasil
Viajes: 
Itinerario/Viaje Motivo Fecha Inicio Fecha Fin
  1. Lisboa
  2. Alcazarquivir
  3. Lisboa
Militar
  1. Lisboa
  2. Londres
Político 1571 1578
  1. Londres
  2. París
Político 1579 1581
  1. París
  2. Lisboa
Político 1581
  1. Lisboa
  2. Santo Domingo
  3. Lisboa
Político 1588
Referencias Documentales
Referencias Bibliográficas
Cómo citar esta entrada: 
"Francisco Giraldes". En: BRASILHIS Database: Redes personales y circulación en Brasil durante la Monarquía Hispánica, 1580-1640. Disponible en: https://brasilhis.usal.es/es/personaje/francisco-giraldes. Fecha de acceso: 27/05/2024.