Projeto Resgate. Barão do Rio Branco

Identificador: 
RD-2290
Referencia documental: 
Projeto Resgate. Barão do Rio Branco
Código archivo: 
AHU
Lugar documento: 
Varios
Trancripción: 
O projeto foi criado institucionalmente em 1995, por meio de protocolo assinado entre as autoridades portuguesas e brasileiras, no âmbito da Comissão Bilateral Luso-Brasileira de Salvaguarda e Divulgação do Patrimônio Documental (COLUSO). O objetivo principal foi resgatar no Arquivo Histórico Ultramarino de Lisboa cerca de 300 mil documentos referentes ao período colonial brasileiro. Perto de três milhões de páginas manuscritas, relativas a 18 capitanias da América portuguesa, foram descritas, classificadas, microfilmadas e digitalizadas, num trabalho conjunto entre pesquisadores portugueses e brasileiros. Os documentos datam dos séculos XVII e XVIII e tratam da vida pública e privada dos habitantes dessas capitanias, que atualmente correspondem a 22 estados dos estados brasileiros. A Fundação Biblioteca Nacional ficou responsável por preservar os microfilmes e por duplicá-los para serem disseminados. Com o objetivo facilitar e expandir o acesso às fontes para a história luso-brasileira e para aprofundar estudos acerca deste nosso passado comum. As bibliotecas nacionais de Portugal e do Brasil, em parceria o Arquivo Histórico Ultramarino de Lisboa, oferecem livre acesso a todo esse rico acervo
Universidad de Salamanca
Ministerio de Economía y Competitividad